domingo, 30 de maio de 2010

Só longe





Sim, amor é ainda aquela imagem
Mesmo que de longe
Não sou apenas uma miragem
Então, por que de mim foge?

Se ainda pairo na tua mente
Em teu coração sou aquele enfeite
Que não só adorna
Mas torna-me tão-somente a tua dona

Não te faças perguntas
Não te assustas
Se a resposta for um sim
Sei que ainda gostas de mim

Se de longe és o meu monge
Venha para perto e serei a tua Solange

Sol pereira

http://www.solchebor.prosaeverso.net/visualizar.php?idt=2287225

3 comentários:

Riva disse...

Adorei este teu bonito espaço. Meu carinho.

Zé Carlos disse...

Que penina neste post Sol, vc está tão longe.....

O poema é lindo.

Bjs do Zé Carlos

Valter Montani disse...

Minha Amiga Sol

Dia 12 é o dia dos namorados, então em comemoração deixo aqui minha marca, bjs e felicidades sempre!

AMOR CÓSMICO

Seu corpo assim, junto ao meu
um idílio de conveniências,
enigma repleto de emoções.

Duas naves movidas a cinestesia
através de outras dimensões,
muito além da simples anatomia.

Rumamos à galáxia do estro,
nessa deliciosa jornada esotérica
um amor em cósmico manifesto.

Valter Montani