domingo, 2 de agosto de 2009

Sou como me vê





Sou como me vê
Deitada no meu leito
A espera por você
Sonho sim com amor
E me pergunto
Será quem ele vem?
Provar do meu sabor!
É uma pergunta
Que não posso responder
Apesar do meu bem querer
Pois o coração é lugar que ninguém vê
Então, responda você
Vem?

Sol pereira

02/08/2009 18h22

Um comentário:

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA SOL, BELO POEMA AMIGA... ADOREI O TEU CARINHO, NAS PALAVRAS MARAVILHOSAS... BOA SEMANA!!!
ABRAÇOS DE CARINHO,
FERNANDINHA