sábado, 25 de julho de 2009

Em forma de canção




Para quem ama, não há de existir segredos
Mesmo que tu cries fantasias
Encara e as tomas para tua vida sem medos
A vida não é só feita e vivida em poesias

Conte comigo meu eterno poeta
Em minhas noites e madrugadas
Sem ti e sem o teu amor, é morte certa
Esqueças as tuas penas sofridas

Tome a mim em teus braços, sou a tua querida
Faça de mim o teu amor e a tua vida
Não sofra mais assim na solidão

E não negue mais para o teu coração
Este amor que te consome em ferida
Conte para o mundo em forma de canção

Sol pereira

Um comentário:

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA SOL, MARAVILHOSO SONETO AMIGA... ABRAÇO-TE COM MUITO CARINHO,
FERNANDINHA