domingo, 19 de julho de 2009

Acolho-te



Acolho-te no meu regaço

Dou-te colo, carinho e meu abraço

E te sentes seguro no meu laço

Dormes extasiado e esquece-se do cansaço

Depois de uma longa noite de amor
Beija minha boca sem pudor
Acolho-te no meu regaço

Dou-te colo, carinho e meu abraço

Na segurança de ter o meu abraço
Pede-me para ser tua com ardor
Te cedo com carinho a minha flor
E me deixa pelo avesso sem pudor
Acolho-te no meu regaço

Sol pereira

19/07/2009

2 comentários:

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA SOL, BELO POEMA COM MUITA SENSUALIDADE... ADOREI AMIGA!!!
ABRAÇOS DE CARINHO E TERNURA,
FERNANDINHA

Anônimo disse...

OBRIGADA MINHA QUERIDA! BEIJOS SEMPRE!