quarta-feira, 6 de maio de 2009

Mãe




Não tenho palavras para classificá-la
Eu seria redundante e tudo que falasse
Não estaria à sua altura
Poderíamos até procurar em dicionários
Mas nenhum termo lhe caberia.
Pois:

Mãe é a mão que balança o mundo!

É o ser mais supremo que um dia Deus
Teve ousadia de inventar e que deu o nome de
“Mulher” e a colheu como a mãe de Jesus
Ela está presente em cada mulher de todos os lugares

Oh, mãe! Você é maravilhosa
Guardo doce lembrança
Da fonte quão saborosa
Que me fez feliz criança

Mãe para mim não tem raça, não tem cor e nem religião
Ela pode ser mãe de sangue,
Como também mãe do coração

Mãe jovem
Mãe adulta
Mãe velhinha

Adoramos-te! Seja sempre feliz!

sol pereira

Salve dia 10 de maio de 2009

Um comentário:

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA SOL, MARAVILHOSA HOMENAGEM Á MÃE...ADOREI AMIGA...
ABRAÇOS DE CARINHO,
FERNANDINHA