sábado, 25 de abril de 2009

A musa



Ser a tua musa e a tua inspiração
É um privilégio para poucas
Ah! Se tivesse este sortilégio
Dentre todas as mulheres
De ser tua musa inspiradora
Te mostraria um encanto entre milhares
E bastariam alguns momentos
Ao teu lado, te levaria ao céu
Não precisaria ser eternamente
Habitaria o teu coração de modo tão ardente
Que te fizesse feliz somente por alguns instantes
Depois, voltaria à minha realidade
De mulher comum, mas com muito privilégio.
De ter sido a musa que descortinou o teu véu

Sol pereira

Um comentário:

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA SOL, MARAVILHA LER O QUE ESCREVES AMIGA... ADOREI!!!
ABRAÇOS DE CARINHO E TERNURA,
FERNANDINHA