sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009


Simples e belo como o sol

Então sejamos como o sol
Dono do maior espetáculo da terra, o arrebol
Ilumina o dia para diferenciar da noite

Dar o teu calor a quem sente frio
E, nem por isso, canta aos quatro cantos
A tua imensa bondade

De aquecer a humanidade
Hoje, a mãe natureza é grata pelos teus encantos


sol pereira

2 comentários:

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA SOL, BELÍSSIMO POEMA... AS TUAS PALAVRAS ME ENCANTARAM... UM ABRAÇO DE CARINHO,
FERNANDINHA

Zé Carlos disse...

Lindo poema Sol... vc é uma mulher linda e especial !!!
Bjs do ZC